Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/26352
Título: Adequando práticas e modelos de gestão bem sucedidos ao Programa Netuno: a implementação do Balanced Scorecard
Orientador(es): Araújo, Luis César Gonçalves de
Autor(es): Moura, Eduardo de
Palavras-chave: Administração de empresas
Planejamento estratégico
Planejamento estratégico
Desempenho
Data do documento: 2011
Editor: Fundação Getúlio Vargas: Escola Brasileira de Administração Pública
Descrição: Dissertação apresentada ao Curso de Mestrado em Administração Pública da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas.
Há tempo busca-se um aperfeiçoamento do aparelho estatal no Brasil e, ao longo dos anos, os governos que se sucedem no poder vêm buscando alternativas para melhorar a eficiência do Estado. Mais recentemente, no Governo do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foi instituído o Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (Gespública), que incentiva órgãos públicos a implementarem sistemas de gestão, participando de um processo de avaliação com premiações para as melhores práticas gerenciais voltadas à qualidade dos serviços aos cidadãos. No âmbito da Marinha do Brasil o Programa foi adaptado às peculiaridade da Força e nasceu, assim, o Programa Netuno que visa à institucionalização de boas práticas de gestão, permitindo que as organizações da Marinha do Brasil busquem a melhoria contínua dos processos inerentes a suas atividades. Uma das ferramentas que se pretende incorporar ao Programa é o Balanced Scorecard, geralmente utilizado na gestão estratégica e na avaliação do desempenho de organizações. Portanto, com a finalidade de contribuir para o aprimoramento da eficiência da gestão das Organizações Militares da Marinha do Brasil, este trabalho tem como objetivo identificar as vantagens, desvantagens e dificuldades da implementação do Modelo de Gestão Balanced Scorecard (BSC), tomando como base as experiências bem sucedidas de outras organizações da iniciativa privada e pública, bem como do Exército Brasileiro, que já implementaram e utilizam o modelo.
Abstract: For a long time the Brazilian government has trie d to improve the functioning of the state and, throughout the years, the several administrati ons have sought alternatives to enhance efficiency. More recently, during the administrati on of President Luiz Inacio Lula da Silva, the National Program for Public Management and Debureaucratization – “Gespública" in Portuguese - was established, thus encouragin g public agencies to implement management systems by taking part in an evaluation proc ess with awards for the best management practices focused on the quality of services to citizens. In th e Brazilian Navy the program was adapted to the peculiarities of the institution. So was born the “Netuno Program" in order to establish good management practices, therefor e enabling Brazilian Navy units to search for the continuous improvement of th e processes regarding their activities. One of the tools that the program intends to incorporate in state plan ning, is the Balanced Scorecard, often used in strategic management and performance assessmen t of organizations. Ther efore, in order to contribute to the improvement of management efficiency within the Brazilian Navy’s military units, this dissertation intends to identify the advantages, disadvantages and difficulties to implement the Balanced Scorecard (BSC) mana gement model, based on the successful experiences of other private and government or ganizations - as well as on those of the Brazilian Army - which have already im plemented and curren tly use the model.
URI: http://www.redebim.dphdm.mar.mil.br/vinculos/000009/0000099f.pdf
http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/26352
Aparece nas coleções:Administração: Coleção de Dissertações
Defesa Nacional: Coleção de Dissertações

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
0000099f.pdf2,74 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.