Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843461
Título: Os interesses da França no Mali:uma visão realista da politica externa francesa/Marcelo de Souza Machado; Orientador: José Claudio da Costa Oliveira.
Orientador(es): Oliveira, José Cláudio da Costa Orientador
Autor(es): Machado, Marcelo de Souza
Palavras-chave: 355
T18 - RELAÇÕES INTERNACIONAIS (DGPM-305)
França - Política externa África
Geopolítica Mali
Data do documento: 2017
Editor: Rio de Janeiro:EGN,
Descrição: O presente trabalho tem por finalidade compreender os interesses da política externa da França na ocasião em que realizou uma intervenção militar na República do Mali, em 2013, e esta mesma política se fundamenta na teoria realista das relações internacionais do professor alemão Hans Joachin Morgenthau. Para entender as razões pelas quais um país europeu se lança em um conflito no continente africano a milhas de distância é necessário ir além de sua relação histórica de colônia e metrópole e descobrir as motivações ocultas, não noticiadas nas mídias televisivas nem impressas em periódicos populares . Após uma visão geral sobre a condição política e militar em que se encontravam o Mali e a França e uma noção da disponibilidade local de recursos minerais, passaremos a analisar o pensamento de Morgenthau, que de maneira direta e assertiva, ensina como é a luta de uma nação pelo poder, alerta para a importância do elemento ideológico na política externa e explora quais são os elementos do poder nacional essenciais para a implementação de uma política eficaz. Após compreendermos a teoria, passaremos para sua aplicação no caso em estudo, utilizando os princípios e conceitos na tentativa de esclarecer os fatos em base científica. Chegaremos à conclusão que foram diversos os interesses que levaram a França de volta ao Mali, todos encobertos por uma ideologia de ajuda humanitária e uma questão de sobrevivência do Mali. Alguns motivos são explícitos e facilmente compreensíveis, outros tiveram que ser desvendados pela teoria e podem ser explicados pela política implementada pelos Estados que pretendem expandir cada vez mais sua capacidade industrial e seu poder no continente.
Abstract: The purpose of this paper is to understand the real interests of France's foreign policy when it undertook military intervention in the Republic of Mali in 2013 and is based on the realist theory of international relations writen by German professor Hans Joachin Morgenthau. In order to understand the reasons why an European country launches into a conflict on the African continent miles away distant, it is necessary to go beyond its historical relation of colony and metropolis and discover the hidden motivations, not reported in the television media nor printed in popular tabloids. After an overview of the political and military condition of Mali and France, and a notion of the local availability of mineral resources, we will analyze Morgenthau's thinking, which directly and assertively teaches the struggle of a nation for power, warns of the importance of the ideological element in foreign policy and explores which elements of national power are essential for the implementation of an effective policy. After understanding the theory, we will proceed to its application in the present case, applying principles and concepts in an attempt to clarify the facts on a scientific basis. We will come to the conclusion that there have been a number of interests that have led France back to Mali, all covered by an ideology of humanitarian aid and a question of survival in Mali. Some motives are explicit and easily to be understood, others have to be unraveled by theory, and can be explained by the policy implemented by states who intend to expand their industrial capacity and power on the continent.
URI: http://www.redebim.dphdm.mar.mil.br/vinculos/000018/00001878.pdf
http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843461
Aparece nas coleções:Defesa Nacional: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
00001878.pdf2,17 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.