Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843569
Título: O Papel das Forças Armadas nas Ações Humanitárias: Catástrofes e Epidemias - As Normas do Setor Operativo da Marinha do Brasil atendem as necessidades das ações de resposta a catástrofes naturais em apoio à defesa Civil?.
Orientador(es): Reis, Alexandre Ricciardi dos
Autor(es): Menezes, Hélio Sancler Santos de
Palavras-chave: J13 - OPERAÇÕES HUMANITÁRIAS (DGPM-305)
T9 - ESTUDOS DE OPERAÇÕES MILITARES (DGPM-305)
Catástrofes naturais
Data do documento: 2017
Editor: Escola de Guerra Naval
Descrição: O Brasil tem sido cenário de diversas catástrofes ocasionadas por fenômenos naturais, que causam consideráveis perdas materiais e vidas humanas. Em sua grande maioria, estes fenômenos estão diretamente ligados à escassez de água,inundações e deslizamentos de terra como os ocorridos na Região Serrana do Rio de Janeiro. A participação das Forças Armadas em tais situações,em cooperação com as ações de Defesa Civil, vem sendo cada vez mais necessária,uma vez que, além de sua rápida capacidade de mobilização, dispõe de meios e recursos necessários para realizar um trabalho efetivo.Assim, o presente trabalho pretende verificar se a normatização administrativa afeta ao Setor Operativo da Marinha do Brasil atende às necessidades encontradas nas ações de resposta em apoio à Defesa Civil, de modo a garantir a efetividade do trabalho desenvolvido por seus militares. Para atender à pesquisa proposta, apresenta-se inicialmente os principais conceitos afetos à atividade de Defesa Civil.A busca em doutrinas nos remete aos conceitos de autores especializados em desastres naturais, assim como, de publicações voltadas para operações militares, embasando-se principalmente na Constituição da República Federativa do Brasil, de 1988; na Lei 12.608,de 2012, que institui a Política Nacional de Proteção e Defesa Civil; na Doutrina Básica da Marinha, que dispõe sobre o emprego do Poder Naval e que também engloba a proteção da sociedade em situações de calamidade pública, em decorrência da participação da Marinha do Brasil no Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil;e a Carta de Instrução nº 001-07, do Comando de Operações Navais, que reza sobre o emprego dos meios da Marinha do Brasil em ações de Defesa Civil.
URI: http://www.redebim.dphdm.mar.mil.br/vinculos/00001b/00001b98.pdf
http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843569
Aparece nas coleções:Defesa Nacional: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso
Fuzileiros Navais: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
00001b98.pdf525,53 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.