logo-ri

Repositório Institucional da Produção Científica da Marinha do Brasil (RI-MB)

Please use this identifier to cite or link to this item: https://www.repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843515
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributorBlower, André Marcus Orientador-
dc.contributor.advisorBlower, André Marcuspt_BR
dc.contributor.authorCoelho, Emilio Reis-
dc.date.accessioned2019-02-26T11:46:54Z-
dc.date.available2019-02-26T11:46:54Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.urihttp://www.redebim.dphdm.mar.mil.br/vinculos/00001a/00001aa2.pdf-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843515-
dc.descriptionMonografia apresentada à Escola de Guerra Naval, como requisito parcial para conclusão do Curso de Estado-Maior para Oficiais Superiores - C-EMOSen_US
dc.descriptionO uso de drones nos conflitos armados tornou mais comp lex as as análises referentes às questões que envolvem o Direito Internacional dos Conflitos Armados (DICA) . Quando lidando com alvos humanos, a autoridade responsável precisa decidir se uma pessoa pode ser considerada um objetivo militar legítimo , observan do o princípio da distinção e, antes de executar o ataque, precisa resolver a subjetiva equação da proporcionalidade, confrontando o dano colateral esperado com a vantagem militar direta que se espera obter com o ataque. Após os atentados de 11 de setembro de 2001, os Estados Unidos da América (EUA) lançaram uma “ Guerra Global ao Terrorismo ” e invadiram o Afeganistão, à época governado pelo regime fundamentalista islâmico do Talibã, acusado de abrigar os terroristas da Al - Qaeda. Após a deposição do Talibã p elas tropas norte - americanas , muitos extremistas se refugiaram no Paquistão, Estado vizinho , que não se encontrava envolvido diretamente na guerra. Os E UA passaram então a caçar e a eliminar os extremistas , no Paquistão , com o uso de drones. Diante desses fatos, e ste trabalho busca anali sar a condução da “Guerra de Drones” , no Paquistão , desde o seu início, em junho de 2004 , até junho de 2016, à luz da teoria da Seleção de Alvos desenvolvida por Ian Henderson (2009) e objetiva demonstra r que, de acordo com essa teoria , pode ser questionada a conduta do governo norte - americano.en_US
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherEscola de Guerra Naval (EGN)pt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectDireito Internacional dos Conflitos Armadospt_BR
dc.subjectGuerra do Afeganistãopt_BR
dc.subjectDireito Internacional dos Conflitos Armadospt_BR
dc.subjectGuerra do Afeganistãopt_BR
dc.titleSeleção de alvos: Ian Henderson e a Guerra de Drones no Paquistãopt_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
dc.subject.dgpmDireito aplicado às operações militares-
Appears in Collections:Defesa Nacional: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
00001aa2.pdf1,32 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.