Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/844239
Título: Intrusão de molares superiores com o uso de mini-implantes ortodônticos: revisão de literatura
Orientador(es): Sabaneeff, Ana
Telles, Vicente
Autor(es): Costa, Adriana Medeiros Martins
Palavras-chave: Q - SAÚDE (DGPM-305)
Q9 - ODONTOLOGIA (DGPM-305)
Parafusos ósseos
Procedimentos de ancoragem ortodôntica
Movimentação dentária
Data do documento: 2013
Editor: Odontoclínica Central da Marinha (OCM)
Descrição: A falta de espaço vertical é um fator que dificulta a reabilitação protética. Geralmente, com a perda de um elemento dentário seu antagonista sofre extrusão inviabilizando a recuperação da estrutura perdida. A utilização de mini-implantes ortodônticos facilitou o movimento de intrusão de um elemento dentário eliminando a necessidade de montagem de aparelhagem completa. A escolha do local de inserção do mini-implante depende de fatores como: linha de ação de força, anatomia e espaço existente entre as raízes do dente envolvido e seus adjacentes. Por apresentarem dimensões reduzidas, quando comparados a um implante convencional, esses dispositivos permitem maior flexibilidade de escolha quanto ao local de inserção proporcionando diversos planejamentos de biomecânicas de acordo com o movimento que se pretende realizar. Embora sejam dispositivos fixos, há ainda a necessidade de colaboração do paciente no que diz respeito à higienização do local, pois é importante que se evite inflamação peri-implantar para que o mini-implante não seja perdido e a biomecânica paralisada. O presente estudo consiste em uma revisão de literatura a respeito das biomecânicas, apoiadas em mini-implantes, utilizadas para intrusão de molares superiores que sofreram extrusão com a perda de seu antagonista. Concluímos que a intrusão conseguida desta forma, é uma boa opção terapêutica, visto que proporciona um tratamento mais conservador, não havendo a necessidade de desgaste coronário e tratamento endodôntico do elemento extruído. Além disso, essas biomecânicas oferecem um maior controle da ancoragem, eliminando os movimentos recíprocos indesejados, sendo de extrema importância o planejamento da localização dos mini-implantes no controle biomecânico do movimento dentário.
Monografia (Especialização em Prótese Dentária) – Odontoclínica Central da Marinha.
Abstract: The lack of vertical space is a factor that hinders the prosthetic rehabilitation. Generally, with the loss of a tooth undergoes its antagonist extrusion precluding recovery of the lost frame. The orthodontic miniscrews use, facilitated intrusion movement of a tooth eliminating the need for assembly of complete apparatus. The the insertion site of the miniscrews choice depends on factors such as action force line, anatomy and space between the roots tooth involved and its adjacent. By having reduced dimensions when compared to a conventional implant, these devices allow greater flexibility choice as to the insertion site providing various planning according to biomechanical motion to be achieved. Although fixtures, there is still need the patient compliance regard to the hygiene of the place, it is important to avoid peri-implant inflammation so that the miniscrews is not lost and mechanical paralyzed. The present study consists of a review of the literature regarding the biomechanical, supported by miniscrew used for intrusion of extruded molars that have suffered the loss of his antagonist. With him it was concluded that the intrusion achieved this way is a good therapeutic option, since they provide a more conservative treatment, without the need to wear the crown and endodontic treatment extruded element. Moreover, these biomechanical offer greater control of anchoring, eliminating unwanted reciprocal movements being extremely important planning the location of miniscrew in biomechanical control of tooth movement.
URI: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/844239
Aparece nas coleções:Saúde: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Cursos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Monografia_Adriana.pdf1,45 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons