Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/844253
Título: Medicamentos que influenciam na movimentação ortodôntica: revisão de literatura
Orientador(es): Assunção, Paulo Sérgio de
Autor(es): Santos, Thaiza Elena Moraes
Palavras-chave: Q - SAÚDE (DGPM-305)
Q9 - ODONTOLOGIA (DGPM-305)
Preparações farmacêuticas
Movimentação dentária
Data do documento: 2013
Editor: Odontoclínica Central da Marinha (OCM)
Descrição: A movimentação ortodôntica pode ser influenciada por diversos fatores, entre eles, o uso de medicamentos. Estudos comprovam que uma grande parcela dos pacientes em tratamento fazem uso de alguma preparação farmacêutica com potencial para interferir na movimentação dentária induzida. A movimentação ortodôntica depende fundamentalmente dos processos de remodelação óssea (absorção e aposição) e desta forma o objetivo deste trabalho de revisão de literatura foi identificar os principais medicamentos que podem interferir nesses processos. Dentre os medicamentos estudados, o paracetamol ou acetaminofeno se destacou por não apresentar influência na movimentação dentária induzida, devendo ser o analgésico de escolha no controle da dor associada ao tratamento ortodôntico. Os anti-inflamatórios não esteróides, os bisfosfonatos e as tetraciclinas podem reduzir a movimentação ortodôntica de forma dose dependente, ou seja, quando são utilizados por longos períodos de tempo e doses elevadas. Em contrapartida, os anti-inflamatórios esteróides ou corticoesteróides e a isotretinoína, quando levam a um quadro de osteoporose, podem acelerar a movimentação ortodôntica de forma dose dependente. Geralmente, os analgésicos e os anti-inflamatórios são administrados em curtos períodos de tempo e baixas dosagens, não interferindo significativamente na velocidade da movimentação ortodôntica. E os anovulatórios carecem de novas pesquisas.
Monografia (Especialização em Ortodontia) – Odontoclínica Central da Marinha.
Abstract: The orthodontic movement may be influenced by several factors, including the use of medications. Studies show that a large proportion of patients in treatment make use of any pharmaceutical preparation with the potential to interfere with the induced tooth movement. The orthodontic movement depends crucially on the processes of bone remodeling (absorption and apposition) and thus the objective of this work of literature review was to identify the main drugs that may interfere with these processes. Among the studied drugs, the paracetamol or acetaminophen stood out for not showing influence on induced tooth movement, and should be the analgesic of choice in controlling pain associated with orthodontic treatment. The anti-inflammatory nonsteroidal, bisphosphonates and tetracyclines can reduce the orthodontic movement of a dose dependent manner, it means that when used for long periods of time and high doses. In contrast, the anti-inflammatory steroids or corticosteroids and isotretinoin, when they take a frame of osteoporosis, can accelerate orthodontic tooth movement in a dose dependent manner. Generally, the analgesic and antiinflammatory drugs are administered in short periods of time and low dosages, not interfering significantly in velocity induced tooth movement. And anovulatory require further research.
Aparece nas coleções:Saúde: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Cursos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Monografia_Thaiza.pdf273,49 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons